Bancas de qualificação/defesa de tese

Banca de qualificação

O Exame de Qualificação deverá ser realizado até o quinto semestre após o ingresso no Programa. Caso isso não seja possível é necessário estender o prazo através de requerimento justificado ao Colegiado Delegado.

Para defender o projeto de tese no Exame de Qualificação o doutorando deverá ter concluído o total dos créditos das disciplinas obrigatórias e 2/3 do total de créditos em geral, sendo exigido um índice global igual ou superior a 3.0 nas disciplinas cursadas, também é necessário ter apresentado as duas proficiências exigidas em língua estrangeira.

O Exame de Qualificação terá caráter privado e constituir-se-á da apresentação escrita de uma introdução na qual a problemática da tese é definida, de um capítulo e da previsão do que conterão os demais capítulos

A Comissão do Exame de Qualificação será composta pelo professor orientador e mais dois professores do Programa, podendo um deles ser externo ao corpo docente; além desses, poderá integrar a mesma Comissão o professor coorientador, sem direito a emitir juizo para efeito de aprovação final do projeto.

Formulário para solicitação de banca de qualificação: Requerimento Banca de Qualificação de Tese.

Banca de defesa de tese 

Elaborada a tese e cumpridas as demais exigências para a integralização do curso, o aluno deverá defendê-la em sessão pública e presencial, perante uma banca examinadora constituída de especialistas, aprovada pelo Colegiado Delegado e designada pelo coordenador do PPGICH, na forma definida no regimento.

As bancas examinadoras de doutorado serão constituídas por no mínimo cinco membros titulares, todos possuidores do título de Doutor ou de Notório Saber, sendo ao menos dois deles externos à Universidade. É permitida a participação por meio de videoconferência.

Além dos membros referidos no caput deste artigo, o orientador integrará a banca examinadora na condição de presidente, sem direito a julgamento. Na impossibilidade de participação do orientador, o Colegiado Delegado designará o coorientador ou, na impossibilidade dessa substituição, um docente do programa para presidir a seção pública de defesa do trabalho de conclusão de curso. Exceto na situação contemplada no caput deste artigo, os coorientadores não poderão participar da banca examinadora, devendo ter os seus nomes registrados nos exemplares da tese e na ata da defesa.

Formulário para solicitação de banca de defesa de tese: Requerimento Banca Defesa de Tese.

Caso seja necessário fazer o pedido de passagens e diárias, o aluno deve entregar também formulário preenchido anexado à solicitação de banca: Solicitação de Passagens e Hospedagem.

A reserva de sala para defesa de tese será de responsabilidade do(a) doutorando(a), conforme dia e horário constantes no requerimento apresentado à Coordenação do Programa. Poderá realizar reserva de sala/auditório pelo link: http://portalcfh.ufsc.br/reserva-de-espaco-fisico/.

A decisão da banca examinadora será tomada pela maioria de seus membros, podendo o resultado da defesa ser: I – aprovado; II – aprovado com alterações, desde que a tese seja corrigida e entregue no prazo de até sessenta dias, nos termos sugeridos pela banca examinadora e registrados em ata; III – reprovado. No caso do não atendimento da condição prevista no inciso II no prazo estipulado, com entrega da versão corrigida para a coordenação do curso, atestada pela banca examinadora ou pelo orientador, o aluno será considerado reprovado.

Se a tese for aprovada sem alterações, o aluno tem o prazo de 30 dias para apresentar a versão final encadernada na biblioteca da UFSC e outro exemplar ao programa.

Se a tese for aprovada com alterações sugeridas pela banca, o aluno tem o prazo de 90 dias para apresentar a versão final.

Caso haja atraso na entrega, a biblioteca central irá cobrar multa de acordo com a Resolução Normativa 06.